PLATAFORMA DOS
CENTROS URBANOS:

10 capitais brasileiras iniciam novo ciclo de trabalho com o UNICEF

Com 9 milhões de meninos e meninas, 10 capitais brasileiras iniciam trabalho conjunto com o UNICEF para avançar na garantia dos direitos dos meninos e meninas mais excluídos e vulneráveis em cada cidade. Por meio da Plataforma dos Centros Urbanos 2017-2020, o UNICEF busca somar esforços para que cada criança sobreviva e se desenvolva nos primeiros anos de vida, estude e aprenda na idade certa, possa ser um adolescente com sonhos e escolhas, a salvo de qualquer forma de violência.

Precisamos salvar vidas. E você está nos ajudando a enfrentar esses grandes desafios.

PCU

 

Algumas ações da PCU:

 

Mapa de Ações

Depoimentos

4 prioridades da PCU:

 

Prioridade 1

Reduzir as mortes evitáveis nos priemiros dias de vida e promover direitos da primeira infância.

 

Prioridade 2

Enfrentar exclusão escolar.

 

Prioridade 3

Promover direitos sexuais e reprodutivos dos adolescentes.

 

Prioridade 4

Reduzir homicídios de adolescentes.

 

12

indicadores sociais acompanhados para revelar as desigualdades existentes dentro de cada cidade.

450

gestores, técnicos, profissionais do Sistema de Justiça, representantes da sociedade civil e universidades, além de adolescentes participaram de encontros estratégicos, chamados Diálogos Intersetoriais Temáticos, para analisar desafios e criar soluções conjuntas.

2

encontros nacionais para troca de experiência entre as cidades participantes da iniciativa.

Equipe

Nossa equipe está comemorando os esforços pelas crianças: a PCU ganhou visibilidade internacional como um caso de referência no “Child Friendly Cities Initiative”, workshop organizado pelo UNICEF em Budapeste.