Nenhuma Criança Fora da Escola

Você faz parte dessa ação!

 

Empenhamos ainda mais esforços para identificar e incluir milhares de crianças que estão fora das escolas.

Com a sua ajuda e importantes parcerias, des envolvemos a plataforma Busca Ativa Escolar, para ajudar os gestores públicos a identificar as crianças que não estão estudando. E mais boas notícias: em um ano e meio de uso, mais de 2.600 municípios aderiram à plataforma, mais de 40 mil crianças fora da escola foram identificadas e mais de 4.500 gestores municipais foram capacitados no uso da tecnologia.

Eles também receberam formação sobre esporte inclusivo, promoção de trajetórias de sucesso escolar e práticas de autoavaliação de qualidade para a educação infantil.

 

Trajetórias de Sucesso Escolar

Juntos estamos constituindo uma grande rede para superação do fracasso escolar e enfrentamento da distorção idade-série*, fenômeno que afeta 7,2 milhões de estudantes brasileiros. No ano passado, o UNICEF desenvolveu o Trajetórias de Sucesso Escolar, uma estratégia que traça o perfil do atraso escolar por estado, municípios e escolas, apresenta um conjunto de recomendações e propõe a construção de uma proposta pedagógica participativa e adaptada aos estudantes em distorção-idade série. Quer saber mais? www.trajetoriaescolar.org.br

Com o estudo sobre o Panorama da distorção idade-série no Brasil, levamos o foco para as populações mais atingidas pela distorção idade-série, bem como um olhar sobre os locais em que vivem, as diferenças entre os gêneros e a declaração de cor/raça.

CHEGAMOS À 13ª EDIÇÃO
DO PRÊMIO ITAÚ-UNICEF

Prêmio Itaú UNICEF

Que reconheceu e apoiou 30 projetos (de 3.500 inscritos) de escolas e da sociedade civil que contribuíram para melhorar a educação integral nos territórios mais vulneráveis do país. Conheça os ganhadores aqui: bit.ly/2NadffW

QR Code

 

*distorção idade-série é a taxa percentual de matrículas de estudantes com dois ou mais anos de atraso escolar.

 

Silvania de Jesus, 59 anos, vive com a filha Simone, de 24, e as três netas na zona rural de Euclides da Cunha (BA). Embora mãe e filha não tenham aprendido a ler e a escrever, o analfabetismo não será o destino das netas.

A Equipe da Busca Ativa Escolar bateu à porta da família e identificou Yasmin, de 4 anos, como fora da escola e sua matrícula foi garantida.

Nicole, de 5 e Mikaele, de 10, também estão sendo acompanhadas para continuarem estudando.

Silvania

 

 

ERRATA: Notamos que alguns exemplares impressos tinham o ano errado
na data do cabeçalho. Onde se lê: Março de 2018, leia-se: Março de 2019.