Quem queremos alcançar?

Como você deve imaginar, reduzir as desigualdades e garantir a igualdade de direitos entre as pessoas é uma tarefa complexa e nada fácil. Isso porque os desafios enfrentados diariamente por crianças e adolescentes não são o resultado de apenas um fator isolado.

Geralmente, a desigualdade é o resultado de muitas causas, que incluem a pobreza, a violência, a discriminação, o baixo acesso a serviços públicos, poucos ou nenhum espaço de participação e a falta de um engajamento real da sociedade para os direitos de crianças e adolescentes.

 

ESTAMOS PRIORIZANDO AS CRIANÇAS E ADOLESCENTES:

 

1. EXCLUÍDOS

Aqueles que não têm acesso aos serviços básicos de saúde, educação e proteção.

Por exemplo, você verá o que estamos fazendo em projetos como a Busca Ativa Escolar, em quase metade dos municípios brasileiros, para assegurar que essas crianças tenham direito de estudar.

excluidos

 


 

2. EM RISCO DE EXCLUSÃO

Aqueles que já têm seu direito básico garantido, mas estão em risco de perdê-lo ou com acesso a serviços de baixa qualidade.

São ações como enfrentamento do atraso escolar, melhores condições de aprendizagem e aquelas voltadas à prevenção do HIV/aids, da sífilis congênita e da gravidez na adolescência.

em risco de exclusão

 


 

3. VÍTIMAS DE FORMAS EXTREMAS DE VIOLÊNCIA

Queremos dar visibilidade ao tema, influenciar mudanças na legislação e melhorar os serviços de prevenção e enfrentamento das formas extremas de violência.

violencia

 

 

ERRATA: Notamos que alguns exemplares impressos tinham o ano errado
na data do cabeçalho. Onde se lê: Março de 2018, leia-se: Março de 2019.